Monday, February 18, 2013

Tratamento com Roalcutan

Tratamento com Roalcutan


Depois de sei-lá-quantos meses sem escrever aqui de verdade (sempre posto reportagens, né?) resolvi fazer um diário do Roalcutan.

Estou no segundo ano de anticoncepcional implantado. Tem um hormônio chamado Gestrinona que é milagroso e simplesmente não quero mais viver sem. Apesar do preço salgado, vale a pena. 

O grande problema é que quando parei de usar o Yasmin, que controlava as minhas espinhas desde os 20 anos, minha pele pensou que tinha voltado a adolescência e voltei a ter cara de lixa, meus braços, ombros e costas viraram um carnaval. 

Tentei cremes manipulados, meses de antibióticos, a espironolactona que a ginecologista recomendou, mas nada adiantou.  Para não parar de usar o anticoncepcional resolvi arriscar o tratamento com o Roalcutan. 

Ontem completei a primeira semana. Não tinha sentindo nada até dois dias atrás. 

Acordei com a pele repuxando. Sabe aquela sensação depois e tomar sol por vários dias? Meus lábios estão descamando, assim como meu queixo e a região entre as sobrancelhas. 

Não apareceram mais espinhas 'novas', mas pode ser uma coincidência, pois li por aí que elas só desaparecem de vez lá pelo quarto mês de tratamento. Estou com a impressão que as antigas das costas e braços estão 'secando'. Preciso parar com a mania de puxar as casquinhas e pelinhas.

Junto com o ressecamento da pele veio uma forte dor no peito, parece ser nos ossos, nas costelas e no externo. Vou ligar para a médica se piorar, mas segundo fóruns e a bula, isso é normal e passa por volta do segundo mês de tratamento. 

 Vamos nessa, vou continuar o tratamento firme e forte e continuo contando tudo por aqui. 

No comments: